sábado, 29 de abril de 2017

Entrevista com a Terapeuta Capilar Dyla Silva


 A minha amiga querida Dyla Silva é terapeuta capilar e conta muitas coisas dessa sua profissão bem importante. Falou também sobre seu estilo de vida, que desde pequena já era encantada por cabelos.Simples, determinada e bela, Dyla comentou também sobre as perguntas que mais recebe sobre o tema. Realmente ela é uma talentosa com muitas coisas especiais para acrescentar e merece todo o reconhecimento, é uma honra sempre falar com você. Continue brilhando e fazendo a diferença amiga.

1 - Você é terapeuta capilar? Me conta como surgiu isso na tua vida. 

 Sim sou terapeuta acho que desde que me conheço por gente rs,venho de uma família interiorana onde desde dos meus avós,pais,tios e etc...sempre cuidavam da saúde com ervas e plantas medicinais,sabe aquele remedinho natural pra tudo que é dor? Então rs. Mais eu desde muito pequena era encantada por cabelos,e fui descobrindo com o auxilio da minha avó as ervas e plantas indicadas para alguns dos problemas mais comuns,essa foi sempre minha vocação,e fui me especializar dentro daquilo que eu acredito ser o melhor resultado eficaz e rápido. Acredito que a natureza tem tudo que precisamos,basta saber usa-la com sabedoria e critério. Claro se não for algo patológico a natureza é o que nos da uma resposta mais rápida e precisa.Não faço químicas pois meu foco e especialização são voltados para casos realmente mais sérios e mais dramáticos. Eu sou especialista em calvície feminina e masculina,controle de queda,caspa,seborreia com influenciamento em alopecia etc...,na área de fios atuo em tratamentos de cortes químicos,fios que precisam de um cuidado mais elaborado, ou seja na recuperação desses fios danificados por processos químicos muito agressivos,na maioria das vezes o tratamento consiste em tônicos e produtos produzido por mim,com auxilio de alguns aparelhos de foto ativação eficazes no auxilio do tratamento.

 2- Quando tem tempo livre, o que você gosta de fazer?

 Amo meu cantinho Dani,não sou muito de sair. Podendo e tendo a oportunidade gosto de viajar, mais não é sempre que consigo e claro moro na praia então ver o mar e a energia da natureza me fazem bem e me renovam sempre.

3 - Em relação ao teu estilo, gosta de ousar nas roupas dependendo da ocasião ? 

Sou muito eclética, meu estilo é o mais básico. Gosto de simplicidade porem com bom gosto e bom senso...Se sou ousada? Só se for uma ocasião que peça ousadia,eu diria que gosto de ousar mais na maquiagem no que na vestimenta.
 4 - Você sofre preconceito por ser gordinha? 

Dani nem sempre fui gordinha. Eu tive até meus 22 anos o apelido de Olívia Palito acredita? RS. Dai tive filho e depois da gestação meu corpo mudou um pouco,demorei 2 anos pra voltar ao meu peso,dai veio a separação e fui ao limite da magreza. Então nessa época cheguei a pesar 47 kg pra quem tem 1,67 você pode imaginar né? Foi ai que comecei a tomar vitaminas pra engordar pois a vizinhança na época achava que meu marido havia me deixado por eu estar com Aids,  pois a perda de peso se deu em um curto espaço de tempo após a separação,e causou alto impacto em todos que me conheciam, mais eu havia apenas perdido o apetite por completo fazia meia refeição por dia,isso quando fazia. Dai entrei em parafuso e fui tomando sem responsabilidade e sem critério tudo que falavam que engordava,que abria o apetite.E a conta dessa minha irresponsabilidade veio anos mais tarde aos 35,quando tive um problema pessoal muito serio,tive depressão e com isso ganho de peso,foi dai que em diante que fiquei acima do peso,e passei pelo estagio da negação,varias recaídas de dietas que foram em vão todas que tentei,um sofrimento diário e constante,foi quando conheci o mundo Plus Size que me devolveu um pouco da auto estima. Acredito que toda gordinha passa por preconceito,de alguma forma,no meu caso por ter uma altura mediana isso se disfarça um pouco,eu diria que hoje estou um pouco acima do meu peso,tenho que eliminar 10 kg pra chegar no meu peso ideal,pois de um ano pra cá venho aprendendo fazer uma reeducação alimentar e caminhadas,aos poucos sem neura chego la rs.


5 - Você gosta de maquiagem, cosméticos, ou não é sempre?
 Eu amo maquiagem acho incrível, mais faço uso apenas quando o momento exige caso contraio uma mascara de cílios um gloss  e estou  pronta rs.

6 - Você é super alegre, sorridente, conta um pouco dessa personalidade.
Ha Dani eu gosto me me sentir assim, acredito piamente que o nosso estado de espírito rege a nossa vida. Uma pessoa alegre, solar só atraí coisas boas. Não sou dramática em nada, sou pratica em tudo, então se quebrou bora buscar o caminho pra consertar. Aprendi que tudo se torna simples se a gente não complicar. Vivemos em um mundo tão duro, tão difícil pra que que eu vou complicar ainda mais não é mesmo? Algumas pessoas acham que eu simplifico demais as coisas, já eu acho que não coloco peso além do necessário. Sou bem assim caiu levanta, e se cair levanta de novo e de novo e quantas vezes for necessário. Tudo que acontece na nossa vida é aprendizado e se não for aprendizado é bênção, então bora aprender e bora agradecer, simples assim as coisas tem o peso e a importância que damos a ela, tanto pro bem quanto pro mal. Eu  sou filtro Dani, o que me faz bem mantenho por perto e o que me faz mal simplesmente afasto de mim, OXEEEEE.  Não sou porca pra viver enroscada rs.


7 - Tem algum momento marcante nesses anos de profissional ?
Ha Dani pra mim sem demagogia, todos onde eu consiga alcançar o objetivo que é de ter meu cliente satisfeito.  Falo serio não existe alegria maior do que ganhar um abraço ao final de um tratamento e ouvir muito obrigado você me devolveu a alegria de me olhar no espelho novamente, pra mim isso não tem preço e tantas outras coisas incríveis que já ouvi.  Mais vou selecionar um... Quando uma cliente me apelidou de FADA dos cabelos rs. Eu  confesso que amo quando ela me chama assim rs. 

8 - Foi uma experiente importante para ti ter apresentado o Programa Papo de Peso ?

 Sim claro. Ainda mais  pra mim que nem gosto de falar né? Falar sempre é bom, debater assuntos importantes com vários pontos de vista diferente do meu. Tenho  sim  admiração e respeito por todas as meninas que participaram. Isso foi incrível.
9 - Você sempre morou em Santos?
 Eu costumo dizer que minha alma é Santista, mais por um destino que não escolhi morei a maior parte da minha vida em SP e quando tive a oportunidade de escolher não tive duvidas, vim com a cara e a coragem e aqui estou vivendo o sonho da minha Alma, morando nesse lugar abençoado, lindo e  agradeço a Deus todos os dias por ter me concedido essa dádiva.
10 - Você gosta de cozinhar, tem pratos preferidos?
 Amigo eu gosto mesmo é de comer rs. Então digamos que me viro na cozinha e o meu prato favorito é feijão em primeiro e churrasco em segundo rs. Gosto tanto de feijão que eu e meu marido quando morávamos em SP nosso passatempo favorito aos sábados era ir em busca do feijão perfeito rs. Íamos de  boteco em boteco atrás do feijão maravilha rs. É estranho né? Eu sei dentre tantas coisas deliciosas eu amar feijão mais é isso, tanto que muitas vezes já pedi pra mãe de uma amiga minha que o presente dela poderia ser em feijão, por que ela faz o melhor feijão que já comi na vida rs. Uma  pena que ela mora longe, ou sorte dela vai saber né? Rs.

 11 - O que é ser sensual para você?
Pra mim não existe nada mais sensual do que a pessoa ser quem ela é, sem disfarces, sem máscaras a não ser a de cílios rs. A sensualidade está no ser natural, no sorriso e nos gestos,  o resto pra mim é acessório rs.
12 - Curte ir na praia?
A sim...Eu amo ver o mar, respirar aquela brisa boa, sentir o vento no rosto e por fim tomar aquela caipirinha geladinha do meu amigo Renato do quiosque que eu frequento.  Agora eu sou a Santista mais branca do mundo, pois não tenho paciência para banho de sol, ficar virando feito coxinha empanada definitivamente não é minha praia rs. Eu gosto mesmo de bagunça boa.
13 - Qual as perguntas e duvidas mais frequentes das pessoas em relação ao tema dos cabelos?
Queda...Por conta das químicas é muito corriqueiro esse problema.  Cabelos fracos e sem vitalidade, e você sabe pra fazer química e mais química o cabelo precisa estar tratado, forte e com vida. Sem isso  não sobra cabelo pra fazer mais químicas rs. Mais são varias as perguntas, depende do problema que cada um que me procura apresenta, pois uma queda nem sempre é pelo fator química e  por isso é necessário que seja feita uma avaliação mais precisa.
14- Dyla, você é uma super  amiga, obrigado por tudo. Pode deixar o recado que quiser agora. Sucesso pra você.
Eu que agradeço meu querido, foi uma honra pra mim, na verdade é sempre uma honra poder participar do seu blog...Você é uma dessas pessoas solar, carinhoso e sempre muito atencioso com seus amigos, uma pessoa que quero sempre por perto mesmo estando tão longe, por que no coração não existe distancia não é mesmo rs? E muito obrigado por me permitir fazer parte da sua rede de amigos, é muito especial pra mim ter seu carinho e companheirismo....Muito sucesso sempre Dani e estou a disposição sempre que me chamar eu venhooooo rs. Muitos  beijos com enorme carinho meu amigo.
INSTAGRAM DA Dyla: Link
Site:  Link

Nenhum comentário:

Postar um comentário